A GRANDE TRAIÇÃO DA APOSENTADORIA BRASILEIRA

Cerca de 99% do que foi dito a você sobre investimentos para aposentadoria pode ser enganoso, estar errado e simplesmente não vai funcionar…

Vou compartilhar com você como um simples ajuste pode salvar seu futuro financeiro, mesmo que você tenha mais de 50 anos e tenha apenas R$ 30 para começar!

Por: Rafael Seabra

Se você está à procura de uma solução que realmente pode salvar sua aposentadoria, então esta pode ser a página mais importante que você já visitou.

Eu vou mostrar a você como parar de perder dinheiro com taxas e como ter um retorno 40% superior em seu patrimônio nos próximos anos, independente da sua idade atual.

Seu único compromisso: ler este texto até o final.

Combinado?

Então vamos lá…

A grande verdade é que infelizmente não dá para contar apenas com o INSS…

…e você se engana se pensa que seus gastos mensais vão diminuir quando se aposentar.

O pior: o que muitos pensam que é a salvação para a aposentadoria, talvez seja o maior vilão dela.

Em alguns parágrafos você vai entender.

Agora, eu vou contar como eu descobri isso da pior maneira

Sempre que queria investir meu dinheiro, eu costumava pedir conselhos ao meu gerente do banco.

(Talvez você já tenha feito ou pensado em fazer a mesma coisa, não é verdade?)

Não tinha dúvidas.

Já que meu “consultor financeiro” recomendava, fechava meus olhos e aplicava mensalmente meu dinheiro em qualquer investimento que ele indicasse.

Mal podia imaginar o pesadelo que estava por vir. Daqui a pouco você vai entender…

Nada me dava mais prazer que receber os extratos mensais dos meus investimentos e ver meu dinheiro crescendo (mesmo que bem pouco).

Até que comecei a estudar mais sobre investimentos, comprei diversos livros, fiz alguns cursos e, após muito tempo de estudo, finalmente conheci realmente os melhores ativos financeiros para se investir.

Comecei a desconfiar que não estava fazendo um bom negócio, porém uma coisa mais tinha que acontecer antes de realmente me dar conta.

Então, decidi ler o contrato das minhas aplicações financeiras e o que eu mais temia aconteceu: descobri, naquelas letras miúdas, que meus investimentos tinham altas taxas de administração e rentabilidades baixíssimas.

Tive que arcar inclusive com algumas taxas para conseguir resgatar meu dinheiro dessas péssimas aplicações financeiras.

Fiquei muito indignado ao saber que havia investido em algumas das piores aplicações financeiras!

Me senti enganado…

E comecei a entender, a partir dali, que gerente de banco não é consultor financeiro coisa alguma, mas vendedor dos produtos financeiros mais rentáveis (para o banco!).

Isso me deixou revoltado.

Não pelo dinheiro em si, afinal era pouca coisa no começo. Foi por aquela sensação de ter sido enganado, de alguém ter se aproveitado da minha ignorância, sabe?

Descobri, da pior maneira, que ninguém vai cuidar tão bem do meu dinheiro quanto eu mesmo.

Mas, quer saber?

Aquele dia mudou radicalmente a minha vida financeira.

E prometi a mim mesmo que passaria a dedicar cada minuto livre que eu tivesse para estudar sobre educação financeira e investimentos.

Sabia que os erros que havia cometido não eram minha culpa, mas comecei a entender que era minha responsabilidade mudar esse cenário.

Depois que você tem uma base sólida de conhecimento, fica muito mais fácil aprender a investir e viver com estabilidade financeira.

A sensação de sair da ignorância e enxergar todo um caminho a sua frente é indescritível. Sabia que dificilmente seria novamente enganado e persuadido a investir em produtos financeiros de qualidade duvidosa.

Hoje sou reconhecido como um dos maiores educadores financeiros do Brasil, contribuindo com matérias dos principais jornais do país e até participando ao vivo de programas na Rede Globo:

Rafael Seabra, educador financeiro, Rede GloboAlém disso, sou autor do Quero Ficar Rico, livro mais vendido do Brasil na semana em que ele foi lançado, segundo a revista Veja.

Por tudo que passei e pelo patamar que alcancei, queria agora compartilhar com você o que eu acredito ser o maior vilão para sua aposentadoria.

Um dos maiores mitos existentes no mercado financeiro é que planos de previdência privada são uma boa alternativa de investimento para a aposentadoria.

Eles, em sua grande maioria, são vantajosos apenas para os bancos e seguradoras que os oferecem.

Uma das maiores vantagens divulgadas sobre o investimento em PGBL é o “benefício fiscal” em relação ao Imposto de Renda.

O que poucos sabem, entretanto, é que você não tem uma isenção fiscal, mas apenas um diferimento fiscal. Você apenas adia o pagamento do imposto de renda.

Além disso, eles sofrem incidência de diversas taxas:

» Taxa de administração;

» Taxa de carregamento;

» Taxa de saída (em alguns casos).

Quando comparamos o investimento em títulos públicos com um plano de previdência privada conservador, o segundo costuma perder “feio” em termos de rentabilidade.

Por quê?

Justamente por conta dessas taxas cobradas, que simplesmente subtraem quase toda a rentabilidade que deveria ser sua.

Vamos a um exemplo para mostrar em números esta diferença.

Eu comparei um plano de previdência privada com o investimento no título publico mais conservador do mercado (mais seguro e, via de regra com menor rentabilidade).

Em ambos os casos, o valor investido mensalmente seria o mesmo (R$ 1 mil por mês), a rentabilidade seria a mesma (10,69% a.a., bem abaixo inclusive do cenário atual), por um prazo de 25 anos.

E a única diferença entre eles seria a cobrança de uma taxa de administração pela previdência privada no valor de 2% ao ano.

(Observe que nem levei em conta a taxa de carregamento, por exemplo)

Dá uma olhada no resultado:

Se você tivesse investido nessa previdência privada, ao longo de 25 anos, você teria aproximadamente R$ 989.444,00.

Já se você tivesse investido apenas no título público mais conservador do mercado, você teria aproximadamente R$ 1.384.591,00.

Ou seja: investindo o mesmo valor, pelo mesmo prazo e com a mesma rentabilidade, apenas pela existência da taxa de administração seu banco ficará com quase R$ 400 mil de um dinheiro que deveria ser seu.

E que fique bem claro: dei este exemplo para um prazo de 25 anos, mas esta perda também ocorre para prazos menores, caso você já tenha passado dos 50 anos e ache que esta dica não vale para você.

Por essa razão, você deve evitar a maioria dos planos de previdência privada e aprender a investir seu dinheiro.

Você faz essa pequena mudança, e sem ter que investir um centavo a mais, você aumentará substancialmente seu patrimônio financeiro para aposentadoria.

Tudo que expliquei até agora é apenas a ponta do iceberg.

Então decidi preparar uma aula online gratuita para revelar tudo que nunca vão contar a você sobre sua aposentadoria.

Por isso, recomendo fortemente que você clique agora no botão abaixo e reserve sua vaga nesta aula online gratuita para descobrir como salvar sua aposentadoria (antes que seja tarde demais):

Como as vagas são limitadas, ofereço algumas opções de horário para que todos possam assistir.

Basta escolher aquele que for mais conveniente para você, digitar seu email e reservar sua vaga agora mesmo.

Nos vemos na aula!

Forte abraço,

Rafael Seabra

P.S. Espero que você consiga estar presente na aula. Tenho certeza que pelo menos uma das opções de horários disponíveis é viável para você.

Basta clicar agora no botão abaixo e na página seguinte você vai ver os horários ainda disponíveis:

Rafael Seabra é educador financeiro e autor do best-seller Quero Ficar Rico (livro mais vendido do Brasil segundo a revista Veja). Conquistou a liberdade financeira antes do 30 anos e quer ajudar você a alcançar o mesmo objetivo.